Quinta-feira, 6 de Março de 2008

Precisa-se...

 

 

Preciso de ...

 

Mimos.

Alguém que goste muito de beijos. E o que o saiba fazer!

Poder ser criança. Poder ser eu.

Alguém que me faça rir.

Alguém que não tenha medo e não se assuste com a minha sinceridade e frontalidade.

Alguém que faça um chá de limão e uma torrada e me traga à cama/sofá, porque me estou a sentir adoentada.

Festas no cabelo.

Ajuda a tirar as botas de cano alto, porque me está a custar imenso mexer.

Adormecer a sentir o calor de alguém (até porque eu tenho sempre os pés muito frios!)
Alguém que se preocupe com a quantidade de vezes que eu não janto e com o pouco tempo que eu durmo (e que não seja a minha mãe/avó).

Flirt.

Alguém por quem valha a pena por em prática os meus dotes culinários.

Ajuda a espalhar o creme nas costas.

Abraços.

Alguém para se enroscar comigo no cobertor fabuloso que eu tenho no sofá.

Ter quem aprecie a lingerie sexy que eu visto.

Alguém que me apoie no meu trabalho e nos meus projectos.

Um Nós.

Saber que, por mais voltas que o dia dê, à noite tenho onde me enroscar...

Ter uma guerra de almofadas.

Ajuda para trazer as compras de supermercado até ao 3º andar (sem elevador! pois é, é step todos os dias!).

Somar momentos bons.

Ter quem se ria de todas as parvoíces e desastres que eu faço (o meu irmão não conta!)

Alguém para comentar os programas de televisão ou os livros que estou a ler.

Companhia para o banho... (dá jeito e não só)

Surpresas (das boas, claro, que para más, já bastaram as contas deste mês...)

Alguém com quem possa chorar.

De olhar para o telemóvel e ter a esperança de lá ter um sms especial.

Acordar com beijos e com um olhar doce.

Um ouvinte para o meu dia a dia e de ouvir o dia a dia de alguém.

Alguém com quem possa ser independente, mas presente (sim, não abdico das noitadas nem dos fins de semana com as amigas!).

Sentir que estou a fazer amor e não apenas a ter sexo.

Alguém que me dê luta numa discussão (filha de advogado, estão a ver, não é?)

Trocar olhares cúmplices.

Pouca monotonia (não sou uma pessoa de muitas rotinas... aborreço-me facilmente!)

Ter companhia para longas caminhadas e longos cafés em esplanadas a ler e a conversar.

Me sentir amada e especial.

Companhia para maluqueiras.
Um porto de abrigo para a travessia que é vida.

Uma mão para dar. Hoje, amanhã e daqui a 30 anos (sim, porque eu acho o máximo os velhinhos de mão dada no jardim).

 

 

 

A ordem é completamente aleatória...   e provavelmente falta muita coisa.

Alguém conhece alguém? 

Sim, eu sei que sou romântica...

 

 

 

sinto-me: necessitada
música: Just like heaven de Katie Melua
tags: ,
publicado por M. às 20:07
link do post | favorito
De eu a 7 de Março de 2008 às 10:16
Podia ser eu mas tu...
De M. a 8 de Março de 2008 às 16:06
É a história da minha vida...
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.Últimas...

. Eu quero, eu quero!!

. Quem é uma menina respons...

. É preciso ir-se ao médico...

. Estou a morrer...

. You are loved, don´t give...

. Sem comentários...

. Sem dúvida!!

. Regra básica: Os homens s...

. Cristovam Pavia

. Maio

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
14
15
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.História

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

contador de visitas
contador de visitas