Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

A Vida não é existir sem mais nada...

Adoro esta música. Adoro esta letra. É daquelas que canto a altos berros e com muito sentimento. Umas vezes com sorrisos, outras vezes com lágrimas.

Mas acho que esta letra é uma lição de Vida... pelo menos, é assim que eu tento guiar a minha... porque só assim conseguimos manter em nós, o que de mais puro e genuíno  temos. E, de vez em quando, convém recordar isso...

  

Para ti...

  

Geme o restolho, triste e solitário
A embalar a noite escura e fria
E a perder-se no olhar da ventania
Que canta ao tom do velho campanário

Geme o restolho, preso de saudade
Esquecido, enlouquecido, dominado
Escondido entre as sombras do montado
Sem forças e sem cor e sem vontade

Geme o restolho, a transpirar de chuva
Nos campos que a ceifeira mutilou
Dormindo em velhos sonhos que sonhou
Na alma a mágoa enorme, intensa, aguda

Mas é preciso morrer e nascer de novo
Semear no pó e voltar a colher
Há que ser trigo, depois ser restolho
Há que penar para aprender a viver

E a vida não é existir sem mais nada
A vida não é dia sim, dia não
É feita em cada entrega alucinada
Prá receber daquilo que aumenta o coração

Geme o restolho, a transpirar de chuva
Nos campos que a ceifeira mutilou
Dormindo em velhos sonhos que sonhou
Na alma a mágoa enorme, intensa, aguda

Mas é preciso morrer e nascer de novo
Semear no pó e voltar a colher
Há que ser trigo, depois ser restolho
Há que penar para aprender a viver

E a vida não é existir sem mais nada
A vida não é dia sim, dia não
É feita em cada entrega alucinada
Prá receber daquilo que aumenta o coração.

 

 

 

 

 

sinto-me: exausta
música: Restolho, Mafalda Veiga
publicado por M. às 20:22
link do post | Estavas a dizer... | favorito
|
26 comentários:
De nasnuvens29 a 15 de Maio de 2008 às 11:56
Também adora essa musica e por coincidenia também estive para a meter ontem no meu blog, mas preferi No rasto do Sol para dar um pouco de alegria num dia cinzento. Parabens pelo blog que está muito giro
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:53
Lol... isto é que é sintonia!
Obrigada pelo elogio, a ver se passo pelo teu. :)
beijinhos
De glassesman a 15 de Maio de 2008 às 12:49
Muito bonita essa musica, apesar de não ser fã da Mafalda Veiga tenho de admitir que ela tem umas letras que nos tocam.
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:54
Dantes também não era fã... e existem bastantes músicas que não gosto. Mas tem algumas letras muito boas, que parece que dizem aquilo que nós não conseguimos exprimir... esta para mim é uma delas.
beijinhos e obrigada pelo comentário. :)
De Tg a 15 de Maio de 2008 às 13:33
Também gosto muito ;)
Beijo
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:55
:) mais uma vez, great minds think alike!! :)
De Mano a 15 de Maio de 2008 às 22:21
Também tenho de admitir que as músicas da mafalda também me tocam... Bem no fundo da goela que me quase me gregorio todo... Cuns tomates...
Já viste mana, se não fosse eu a dar aqui um toque de classe ao blog...
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:55
É mano, onde quer que tu passes, deixas sempre um toque de classe... :)
beijinhos
De um dos de mim a 16 de Maio de 2008 às 16:43
Confesso que não sou grande apreciador da Mafalda... mas a letra é sem dúvida interessante...

Talvez tenha de rever os parâmetros que me impediam até de explorar o que a jovem cantora tem para oferecer... mas convenha-se... só o facto de se associar ao João Pedro Pais, é um mau presságio... para ela, e para nós! :p

Beijos!
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:57
Vá, coitado do rapaz... já deve ter penado o suficiente na Casa Pia... :P
E a letra é muito interessante... bah, que público difícil!! :)
beijos.
De estrelaquebrilha a 16 de Maio de 2008 às 16:58
Tb gosto mt desta música, aliás gosto de quase todas da mafalda Veiga.
bj e bom fds
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:57
:) Ainda bem que gostaste.
beijinhos e uma boa semana. :)
De Nero_ardente a 17 de Maio de 2008 às 01:13
"Há que penar para aprender a viver"

Sem duvida!
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:58
Pois é... semear no pó para voltar a colher! :)
De Ribatejana a 17 de Maio de 2008 às 03:47
Não acho tanta piada às novas, mas esta é sem dúvida uma grande música a par de outras.

bjocas
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:58
Obrigada, concordo contigo plenamente contigo.
beijinhos
De umbreveolhar a 18 de Maio de 2008 às 15:56
Visitei com muito gosto o seu blog, o que faço regularmente, e apreciei este post. Os meus parabéns.

A música daafalda Veiga é a minha favorita!

Cumprimentos e espero também a sua visita e comentário. Obrigado.
Carlos Alberto Borges
De M. a 26 de Maio de 2008 às 00:59
Obrigada pelas visitas e pelo comentário. :)
Visitarei, com certeza, o seu blog.
beijinhos
De Nuite a 18 de Maio de 2008 às 17:47
Lindo =)
como é que alguem que nao nos conhece, consegue ...
consegue explicar td aquilo que queremos ouvir?

Beijinhos
Ana
De M. a 26 de Maio de 2008 às 01:00
É mesmo isso, não é? E como é que nos identificamos tanto e ao mesmo tempo vamos lá buscar força? :)
beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.Últimas...

. Eu quero, eu quero!!

. Quem é uma menina respons...

. É preciso ir-se ao médico...

. Estou a morrer...

. You are loved, don´t give...

. Sem comentários...

. Sem dúvida!!

. Regra básica: Os homens s...

. Cristovam Pavia

. Maio

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
14
15
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.História

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

contador de visitas
contador de visitas